Atender melhor o cliente no personal training

Atender melhor o cliente no personal training é uma das chaves para o caminho do sucesso.

Dentro do perfil tecnicista, o profissional de educação física acredita que para atender melhor o cliente no personal training basta saber sobre fisiologia, biomecânica e juntar isso na prescrição de exercícios. Alguns mais atentos estudam um pouco mais e  caminham também na teoria do treinamento.

Mas atender melhor o cliente vai além disso!

Veja os três erros que identifiquei:

1- A maldição do conhecimento

Uma das coisas que vejo nos profissionais com boa formação acadêmica é o que chamo de maldição do conhecimento. Ele sabe tanto da teoria que ele se torna chato quando se comunica com o cliente. Fala tanto termo técnico, palavras que somente um profissional vai entender. Confesso que alguns textos que vejo profissionais escrevendo para a população nas mídias sociais… nem eu entendo que ele está querendo dizer.

2- Tratar o cliente como um pedaço de carne

E muito comum também tratarmos nossos clientes analisando somente os aspectos fisiológicos e biomecânicos, sem qualquer análise comportamental. Posso citar o exemplo de um cliente com perfil comportamental criativo, ele jamais vai engajar em um programa de treinamento caso este seja engessado, sem mudanças metodológicas, variação de exercícios. Depois não sabemos porque perdemos o cliente!

3- Ter o conhecimento mas não usá-lo no dia-a-dia

É comum também pararmos de corrigir a postura e execução nos nossos clientes quando estão treinando. Isso não é delegar, é delargar! Um bom atendimento vai além da elaboração de um programa de treinamento que seja eficiente para os objetivos do cliente. Ele nos contrata para cuidarmos dele durante a sessão de treinamento.

Então, o que devemos fazer para atender melhor o cliente no personal training:

1- Modelar nossa linguagem para que o cliente se sinta a vontade. Use o bom senso!

2- Recomendo estudar um pouco sobre coaching, assim você poderá aplicar ferramentas de análise comportamental e conhecer melhor o seu cliente

3- Ficar atento em como você está cuidando do seu cliente, corrigindo, motivando, e ajudando o cliente a alcançar suas metas e objetivos.

Se deseja saber mais sobre prescrição de exercício baseado em análise comportamental recomendo um de nossos treinamentos – Coach de Emagrecimento. Para mais informação clique no link abaixo.

Quero saber mais sobre o Treinamento Coach de Emagrecimento